RSS

JAZZ 6 & LUIS FERNANDO VERISSIMO

15 Abr

Foto: Andrew Skyes

O Jazz 6 reúne quatro músicos profissionais e um quinto artista completo que se tornou a sensação do grupo: nada menos que o escritor Luis Fernando Verissimo, um dos escritores mais queridos e populares do País, conhecido por suas crônicas editadas em vários livros e textos publicados em diversos jornais brasileiros.

A idéia de formar o grupo se deu através de uma apresentação informal em um Café de Porto Alegre, reunindo músicos com gosto comum pelo Jazz Instrumental e a Bossa Nova.

O Jazz-6 é composto por Luis Fernando Verissimo no Sax Alto, Jorge Gerhardt no Contrabaixo, Adão Pinheiro no Piano e Teclado, Luiz Fernando Rocha no Trumpete e Flugel-Horn e Edison Espíndola na Bateria.

A partir de sua primeira apresentação o grupo começou a receber diversos convites para shows nos mais variados locais, inicialmente na capital, depois interior e a seguir em vários estados do Brasil. Tendo se apresentado em Festivais de Jazz por todo o País, o Jazz 6 já possui seu público cativo. Eles surpreendem pelo improviso e desenvoltura ao mesclar o estilo jazzístico ao balanço brasileiro, em uma mistura de muito bom gosto.
Foto: Deise Machado

O grupo Jazz 6 tem cinco CDs gravados:

O primeiro, realizado em Porto Alegre em 1998 “AGORA È A HORA”, contém pérolas do Jazz americano compostas por Thelonius Monk, Charlie Parker, Duke Ellington e Sadao Watanabe, que compôs uma música em homenagem à Elis Regina. Além de Now Is The Time de Charlie Parker, que dá nome ao disco, há ainda composições de integrantes do grupo como “Foyerismo” e “Mares do Sul” de Jorge Gerhardt e “Primeira Edição” de Adão Pinheiro.

O segundo CD, também gravado em Porto Alegre em 2001 “SPEAK LOW”, apresenta em seu repertório, clássicos do Jazz como Love is Here To Stay e Embraceable You de George Gershwin, Take “A” Train e Sophisticated Lady, ambos de Duke Ellington e Night In Tunísia de Dizzie Gillespie dentro outros, com destaque para Moonlight in Vermont de Karl Suessdorf.

O terceiro CD, “A BOSSA DO JAZZ”, gravado em 2003 em São Paulo , “uma homenagem distraída à Tom Jobim”, evidencia a versatilidade do grupo integrando a Bossa Nova e o Jazz. O Jazz norte-americano e a música brasileira dos anos 60 tem pontos em comum; a integração dos dois gêneros resulta em uma mistura de bom tom. No repertório constam temas brasileiros como Corcovado, Vivo Sonhando, Meditação, Amor em Paz e Wave, de Tom Jobim e internacionais: One More Kiss Dear de Vangelis, As Times Goes By de Herman Hupfeld e Watch What Happens de Michel Legrand.

No quarto CD “FOUR” gravado em 2007 em São Paulo, o grupo mantém seu estilo original, trazendo preciosidades da música brasileira como “Vivo Sonhando”, de Tom Jobim; “Samba de Verão”, de Marcos Valle e Paulo Sérgio Valle; “A Rã”, de João Donato e Caetano Veloso; “Se eu quiser falar com Deus”, de Gilberto Gil, e ainda composições de grandes nomes do Jazz internacional: “Tune Up” de Miles Davis; “Four” de Miles Davis e Jon Hendricks ; “Blues for Ig”de Gary Campbell; “Fantasy For Drums” de Ramsey Lewis; “Just Friends” de John Kleener”, “Don’t Get Around Much Anymore” de Duke Ellington; “Who’s sorry now”de Ted Snyder.

Verissimo aprendeu a gostar do Jazz quando aos 16 anos foi morar com os pais em Washington. No período em que viveu na capital americana começou a estudar saxofone e em viagens à Nova York, assistiu a espetáculos de vários ídolos da época. Como nas letras, a música também “foi por acaso”. Tocar “tem sido uma honra e um prazer” diz, acreditando que o que faz com o Sax Alto continua sendo uma brincadeira.

Atualmente a banda Jazz 6, que faz shows freqüentes no cenário musical do Sul e se apresenta em inúmeras capitais do país, está divulgando e lançando nacionalmente seu quinto álbum, “NAS NUVENS” apresentando-se em variados espaços culturais e levando ao público apreciador do Jazz, da Bossa Nova e do Pop-Jazz a sua mais recente produção musical.

Em seu quinto CD “NAS NUVENS”, o grupo JAZZ-6 apresenta músicas de reconhecida qualidade estética como “Sentimental Journey” de L. Brown e B.Hommer, “Sweet Georgia Brown” de B. Bernie e “Lullaby of Birdland” de George Shearing, mesclando criativamente o estilo jazzístico aos ritmos brasileiros, resgatando com versatilidade temas clássicos internacionais presentes na memória cultural, preservando e inovando, numa mistura de muito bom tom. Gravado nos estúdios COMEP.

Discografia Jazz 6:
Agora é Hora (1998)
Speak low (2001)
A Bossa do Jazz (2003)
Four (2007)
Nas Nuvens (2011)

Apoio Cultural Verissimo Bar – Rua Flórida, 1488 – Brooklin Novo
SP / SP – (11) 5506-6748 – http://www.verissimobar.com.br

Anúncios
 

Etiquetas: , , , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: